Pontos importantes

A medicina chinesa contribuiu com o conhecimento da acupuntura e o emprego de técnicas de auriculoterapia que conseguem mapear a orelha e assegurar que o furo de sua princesa seja feito no ponto neutro (pontos menos enervados) com o auxilio de uma caneta própria, ou seja, menos sujeito a dor e sem comprometer nenhum orgão vital.

Além de todas essas medidas, o respeito ao tempo dela é essencial para o furo de orelha Humanizado. Nada de segurar a cabeça ou forçar uma barra. As bebês podem ganhar seu primeiro brinco enquanto estão dormindo, mamando ou assistindo um desenho bem colorido e animado sem nenhum trauma causado pelo procedimento.

Perigos de não usar o brinco correto

Os bebês tem a pele bem sensível, o que pode resultar em alergias se não for utilizado o brinco correto. A presença de níquel na sua composição é a causa principal do aparecimento dessas alergias. Por isso o brinquinho inicial mais bem indicado é o aço cirúrgico ou o ouro branco, a haste tem que ser fina e a tarraxa baby para não comprometer a cicatrização e a parte de trás do lóbulo.

Dúvidas frequentes

Muitas dúvidas surgem quando o assunto é Perfuração de Bebê, portanto vamos la as perguntas diárias.

A chegada de um bebê geralmente é uma grande alegria para a família. E junto com a criança surgem muitas dúvidas, medos e inseguranças, normais para qualquer pai e mãe que buscam o melhor para seus filhos. O momento da colocação do brinco na pequena, deve ser pensado com calma e carinho. Além da idade correta, há muitos fatores para serem avaliados como, por exemplo, o método que será utilizado e o modelo de brinco escolhido. Vamos compartilhar com você algumas dicas e etapas essenciais para o processo da colocação de brincos, para que essa experiência se torne menos dolorosa e seja saudável para o seu bebê.

Não há um consenso com relação ao tempo exato para a colocação de brincos. Alguns pediatras pedem para que o exame do pezinho já tenha sido realizado e que sejam tomadas as vacinas iniciais, já outros, além desse protocolo inicial ainda pedem para esparar o bebê completar três meses de vida. O ideal é que você converse com o seu pediatra, aquele de sua confiança, pois ele poderá orientar sobre qual é, na visão dele, o melhor momento.

Existem vários equipamentos no mercado disponíveis para você fazer o primeiro furo do seu bebê. Os dois mais conhecidos são a Pistola (não autorizada mais pela ANVISA) e o Cateter. Com a Pistola o furo é feito com o próprio brinco que é de aço inoxidável, já que esse equipamento não é descartável e não pode ser esterelizado em autoclave, pois ele é de material plástico. Já no outro método o furo é feito com o Cateter e você pode escolher o brinco de sua preferência. Porém o mais importante é levar a sua pequena em um local confiável, limpo, estéril e que seja certificado pela Anvisa. E é aí que a Anvisa autorizou nós, Body Piercing, a realizar esse procedimento que avalia o melhor lugar para ser feito o furo, pois já temos o hãbito com as perfurações de piercing serem com cateteres que diminui o risco de alergia e inflamações. Vale a pena agendar uma visita se for o caso para tirar todas suas duvidas e conhecer o local e o trabalho do profissional.

Pode parecer algo simples, mas o modelo de brinco tem muita relevância não só para o furo, mas também para os primeiros meses da criança. Usar um brinco folheado não é recomendável por conta do seu alto risco de alergia. Grande parte dos locais fazem o furo com peças em aço inoxidavel estéril, porém a melhor opção é o aço cirúrgico, titânio ou se você preferir por ouro maciço, seja o ouro branco que contém menos níquel em sua composição. Outra coisa que devemos nos atentar e o comprimento da haste para que não seja muito pequena e a tarraxa que tem que ser baby que e arredondada e não causaria nenhum desconforto na parte de trás do lóbulo quando a criança for deitar. Evite brinco com pedras com garrinhas, pingentes ou argolas inicialmente pois podem enroscar. Quanto mais simples inicialmente, melhor para a cicatrização.

Recomenda-se lavar 2x ao dia apenas com água e sabonete neutro, no momento da higienização empurre o brinco para frente e para trás, para higienizar a parte interna. Apos a limpeza seque com cotonete o furo na frente e atrás. Caso você note algum sinal de inflamação ou vermelhidão comunique ao profissional que realizou a perfuração ou ao pediatra imediatamente. E para nossa segurança, pedimos para que os papais tragam uma cartinha de autorização do pediatra, dizendo que a saúde dela esta bem e que ele libera para realizar o procedimento.

Qual melhor momento para colocar brinco na minha filha?

Passe com o mouse para saber mais!
A chegada de um bebê geralmente é uma grande alegria para a família. E junto com a criança surgem muitas dúvidas, medos e inseguranças, normais para qualquer pai e mãe que buscam o melhor para seus filhos. O momento da colocação do brinco na pequena, deve ser pensado com calma e carinho. Além da idade correta, há muitos fatores para serem avaliados como, por exemplo, o método que será utilizado e o modelo de brinco escolhido. Vamos compartilhar com você algumas dicas e etapas essenciais para o processo da colocação de brincos, para que essa experiência se torne menos dolorosa e seja saudável para o seu bebê.

Qual idade apropriada?

Passe com o mouse para saber mais!
Não há um consenso com relação ao tempo exato para a colocação de brincos. Alguns pediatras pedem para que o exame do pezinho já tenha sido realizado e que sejam tomadas as vacinas iniciais, já outros, além desse protocolo inicial ainda pedem para esparar o bebê completar três meses de vida. O ideal é que você converse com o seu pediatra, aquele de sua confiança, pois ele poderá orientar sobre qual é, na visão dele, o melhor momento.

Qual modelo de brinco?

Passe com o mouse para saber mais!
Pode parecer algo simples, mas o modelo de brinco tem muita relevância não só para o furo, mas também para os primeiros meses da criança. Usar um brinco folheado não é recomendável por conta do seu alto risco de alergia. Grande parte dos locais fazem o furo com peças em aço inoxidavel estéril, porém a melhor opção é o aço cirúrgico, titânio ou se você preferir por ouro maciço, seja o ouro branco que contém menos níquel em sua composição. Outra coisa que devemos nos atentar e o comprimento da haste para que não seja muito pequena e a tarraxa que tem que ser baby que e arredondada e não causaria nenhum desconforto na parte de trás do lóbulo quando a criança for deitar. Evite brinco com pedras com garrinhas, pingentes ou argolas inicialmente pois podem enroscar. Quanto mais simples inicialmente, melhor para a cicatrização.

Cuidados pós

Passe com o mouse para saber mais!
Recomenda-se lavar 2x ao dia apenas com água e sabonete neutro, no momento da higienização empurre o brinco para frente e para trás, para higienizar a parte interna. Apos a limpeza seque com cotonete o furo na frente e atrás. Caso você note algum sinal de inflamação ou vermelhidão comunique ao profissional que realizou a perfuração ou ao pediatra imediatamente. E para nossa segurança, pedimos para que os papais tragam uma cartinha de autorização do pediatra, dizendo que a saúde dela esta bem e que ele libera para realizar o procedimento.

Os métodos

Passe com o mouse para saber mais!
Existem vários equipamentos no mercado disponíveis para você fazer o primeiro furo do seu bebê. Os dois mais conhecidos são a Pistola (não autorizada mais pela ANVISA) e o Cateter. Com a Pistola o furo é feito com o próprio brinco que é de aço inoxidável, já que esse equipamento não é descartável e não pode ser esterelizado em autoclave, pois ele é de material plástico. Já no outro método o furo é feito com o Cateter e você pode escolher o brinco de sua preferência. Porém o mais importante é levar a sua pequena em um local confiável, limpo, estéril e que seja certificado pela Anvisa. E é aí que a Anvisa autorizou nós, Body Piercing, a realizar esse procedimento que avalia o melhor lugar para ser feito o furo, pois já temos o hãbito com as perfurações de piercing serem com cateteres que diminui o risco de alergia e inflamações. Vale a pena agendar uma visita se for o caso para tirar todas suas duvidas e conhecer o local e o trabalho do profissional.

Espero que todas informações tenham ficado claras, mas caso ainda aja alguma dúvida estamos a disposição.